Quatro suspeitos são mortos em troca de tiros com a PM em Valéria

Cinco homens foram baleados e quatro deles morreram durante uma abordagem policial na rotatória do bairro de Valéria, em Salvador, na noite desse sábado (28). Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), cinco armas de fogo, incluindo duas pistolas, foram apreendidas pela Rondesp RMS na ação. 

“As guarnições estavam em deslocamento quando se aproximaram para abordar um carro. Neste momento, os cinco indivíduos que estavam no veículo atiraram contra os PMs. No revide, quatro deles foram atingidos, socorridos para o Hospital Municipal de Simões Filho, mas não resistiram. O quinto criminoso segue hospitalizado”, informa a SSP.

Durante as buscas, além das pistolas os policiais apreenderam com o grupo uma espingarda calibre 12, um revólver calibre 38, munições, balaclava, colete balístico, um rádio comunicador, embalagens para armazenar drogas, roupa camuflada e 56 porções de maconha. Os materiais foram apresentados na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Morte de mulher no bairro
Um dia antes do tiroteio que vitimou quatro suspeitos, outra troca de tiros entre bandido e PM terminou com a morte de uma mulher, desta vez na rua Nova Brasília de Valéria, também em Valéria.

A ação envolveu uma guarnição da Polícia Militar e um suspeito em uma moto. Segundo nota emitida pela Polícia Civil, houve troca de tiros entre os militares e o homem, que seria foragido da Justiça.

Ainda conforme a PM, o caso aconteceu por volta das 23h de sexta. O suspeito estava em uma moto, furou o bloqueio da abordagem policial e fugiu. A nota da PM diz ainda que os militares foram atrás do homem. A nota da Polícia Civil fala em troca de tiros durante a perseguição.

A vítima foi identificada como Elaine Priscila de Almeida Lima. Ela dirigia um carro e foi baleada no pescoço, no meio do tiroteio. Ferida, perdeu o controle do veículo e bateu na viatura da polícia no meio da perseguição. Elaine foi socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Valéria, mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda segundo informações da polícia, o suspeito que fugiu na moto também ficou ferido e foi socorrido para o Hospital do Subúrbio, onde está sob custódia. A identidade e o estado de saúde do homem não foram divulgados. Mas, a nota da Polícia Civil informou que havia um mandado de prisão em aberto contra o suspeito por participação em um assalto a um carro-forte, em Periperi, em janeiro de 2019.

Segundo o G1, o suspeito alvo da perseguição está sob investigação por homicídio, já foi condenado por porte ilegal de armas em uma tentativa de homicídio e responde a processo por lesão corporal no trânsito. Os PMs envolvidos neste caso prestaram depoimentos e tiveram as armas recolhidas para perícia.

Fonte: Correio