Famosos lamentam morte de Eduardo Galvão, vítima da Covid-19

Famosos, anônimos e até mesmo o clube Flamengo, time pelo qual o ator Eduardo Galvão torcia, comentaram a morte do artista. O ator de 58 anos é mais uma das vítimas do coronavírus, que já ultrapassa 177,3 mil mortes e 6,62 milhões de casos no Brasil – conforme dados do Ministério da Saúde. Eduardo estava internado no Hospital Unimed Rio de Janeiro, na Barra da Tijuca, com Covid-19. Por causa de complicações, o artista estava entubado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Uma das primeiras pessoas a escrever nas redes sociais foi a apresentadora Angélica, parceira de Eduardo na série “Caça Talentos” (TV Globo – 1996). “Eu não consigo acreditar que essa doença te levou da gente”, disse Angélica. A global não poupou elogios à personalidade de Eduardo: “leveza , alegria, liberdade e carinho”, descreveu. “Era sempre tão bom te encontrar, você foi um presente lindo que a fada Bela me deu. Uma parceria linda , mágica. Obrigada por sua amizade , por ser esse cara tão especial no meu coração e no coração de tanta gente !!! Sim … porque você é uma unanimidade ! Amado por todos que tiveram a oportunidade de estar mais pertinho ! Descanse em paz meu querido “Duardo”.

O clube Flamengo, time pelo qual torcia Eduardo, escreveu nas redes sociais que o ator era sempre participativo nos eventos do clube e deixará muitas saudades.

“O Clube de Regatas do Flamengo lamenta profundamente o falecimento do ator Eduardo Galvão, vítima da Covid-19. Grande rubro-negro e sempre participativo nos eventos do clube, Eduardo deixará muitas saudades”, disse o time.

A colega de profissão, atriz Regiane Alves, disse que Galvão deixa um trabalho muito bonito e que sua partida é muito triste: “Que triste a partida do Eduardo Galvão, um grande ator!! Meus sentimentos a família e amigos, ele nos deixa um trabalho muito bonito”

O influenciador digital e empresário Felipe Neto escreveu ainda sem acreditar na morte de Eduardo: Meu Deus do céu… Perdemos o grande ator Eduardo Galvão para a Covid-19. Que tristeza, que lástima! Jovem, saudável… E nos deixou. Meus sentimentos à família. Que tragédia esse vírus é…”, comentou.

A cantora Teresa Cristina desejou que Eduardo descanse em paz: “Descanse em paz, querido Eduardo Galvão! Meus sentimentos aos familiares”. O artista Leo Jaime também lamentou: “Perdemos o querido Eduardo Galvão. Mais uma vítima do Covid. Pessoa muito querida e grande artista”.

Já a atriz Patricia Pillar ressaltou como Eduardo era uma pessoa leve e divertida e usou o emoji de coração partido: “Uma tristeza imensa a perda do ator Eduardo Galvão pra Covid. Grande colega de trabalho, um cara leve e super divertido. Todo o meu carinho aos amigos e familiares”.

José de Abreu escreveu relembrando o jeito divertido do ator, que também ficou conhecido por ser pai do Menino Maluquinho, série da TV Brasil inspirada nos quadrinhos de Ziraldo: “RIP Eduardo Galvão! O mais novo da turminha. O mais alegre, o mais engraçado, o mais saudável! Dor imensa!”.

José Bonifácio Brasil de Oliveira, o Boninho, diretor de TV, relembrou os tempos em que os dois trabalharam juntos na série “Caça Talentos”, na TV Globo (1996) e ressaltou a importância de se proteger da Covid-19. “Acabo de receber a notícia que um querido amigo perdeu a luta para a covid. Eduardo Galvão era uma doce e divertida pessoa. Meu parceiro no ‘Caça Talentos’ programa da Angélica. Ator talentoso, divertido parceiro. Pra muitos é só uma gripe, para quem perde parceiros é uma peste grave. Eu sigo com medo e com todos os cuidados. Covid mata sim.”

As informações são do Jornal O Povo

Fonte: Correio