Rival do Bahia tem ídolo do River como técnico e dois ex-Vitória

O Bahia recebe o Defensa y Justicia na Arena Fonte Nova, nesta quarta-feira (9), às 19h15, no jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana. No comando do rival argentino, está um técnico que fez história dentro dos gramados: Hernán Crespo.

Em sua carreira como centroavante, se tornou ídolo do River Plate, pelo qual conquistou o título da Libertadores de 1996. Foi o vice-artilheiro daquela edição, com dez gols, sendo dois no jogo de volta da final, contra o América de Cali.

Crespo ainda disputou três Copas do Mundo pela Argentina, em 1998, 2002 e 2006, e passou por clubes como Milan, Inter de Milão, Chelsea e Lazio.

Já no elenco, o Defensa tem dois jogadores que já atuaram pelo Vitória: o lateral esquerdo Benítez e o atacante Walter Bou, este recém-contratado.

O destaque do time é o atacante Braian Romero, que anotou três gols em cinco jogos nesta Sul-Americana. Antes de entrar na competição, o clube argentino jogou a Libertadores e Romero deixou três gols em quatro partidas. Atenção também aos pontas Pizzini e Rius.

Na última terça-feira (8), o Defensa encerrou a preparação com um treino noturno no estádio de Pituaçu.

Fonte: Correio