Brasil registra 686 mortes em 24 horas e chega a 181.123 vidas perdidas

Mais 686 brasileiros morreram de Covid-19 nas últimas 24 horas, informou o Ministério da Saúde no início da noite deste sábado. O total, porém, deve ser maior. É que a pasta, em seu comunicado à imprensa, esclarece que o Estado de  Goiás teve problemas técnicos e não enviou seus dados.

Além disso, “as informações referentes aos últimos três dias e investigação permanecem com a dificuldade de atualização nos finais de semana”, esclarece a pasta. Geralmente, por causa desse gargalo no fim de semana, os números das terças-feiras tendem a ser mais elevados que a média dos demais dias da semana.

Com isso, o Brasil atingiu, neste sábdo (12), a marca de 181.123 pessoas mortas pela Covid-19 desde o início da pandemia. O país é o segundo, em todo o mundo, com maior número de óbitos, atrás apenas dos Estados Unidos, onde a adoção da máscara no dia a dia ainda encontra resistência.

Segundo o monitoramento da universidade norte-americana Jhons Hopkins, o mundo ultrapassou hoje os 16 milhões de casos de infecção pelo novo coronavírus.  

Fonte: Agencia Brasil