Suíça se torna o primeiro país do mundo a aprovar registro definitivo de vacina da Pfizer

A Suíça autorizou, neste sábado (19), o uso da vacina da Pfizer/BioNTech contra a covid-19. O país europeu será o primeiro no mundo a conceder o registro definitivo ao imunobiológico. Em outros países, como os do Reino Unido e os Estados Unidos, a autorização foi para uso emergencial. 

De acordo com o Swissmedic, entidade regulatória suíça, a autorização ocorreu dois meses depois de a agência ter recebido a solicitação de uso da vacina do país, pelas empresas. 

Em uma nota divulgada neste sábado, o órgão informou que os dados mostraram que o nível de proteção sete dias depois da segunda dose é maior de 90%. 

“Conseguimos tomar essa decisão rapidamente, garantindo o respeito às três condições essenciais: segurança, eficácia e qualidade”, afirmou o diretor do órgão, Raimund Bruhin, em comunicado. 

O Swissmedic afirmou, ainda, que os dados disponíveis reforçam que a vacina tem alto nível de eficácia em todos os grupos etários e que um comitê independente também autorizou o uso do imunobiológico. 

Fonte: Correio