Coleção de Carola Hoisel nasce com muita leveza e movimento

Um ano difícil chega ao fim. O Réveillon será bem diferente por conta da pandemia, mas a virada sempre carrega aquela dose de otimismo e esperança e o desejo de um 2021 melhor. Então, se você não abre mão do branco, vale dar uma espiadinha na nova coleção da baiana Carola Hoisel (@carolahoisel), batizada de Fluidos, que nasce com muita leveza e movimento, e também com uma cartela que privilegia os azuis. Em tempo: a baiana que já trabalha há 15 anos no ramo da moda e tem uma loja em Jaguaribe, acaba de abrir uma nova unidade na Pituba, na Av Octávio Mangabeira, no Pituba Sol Flat.

Perfeita
Atrás de uma peça bafônica para chamar de sua? A mochila pode ser o acessório ideal. Substituta perfeita da bolsa, ela é funcional e dá aquela bossa ao visu quando bem escolhida. Rolou sentimento? Então se prepara para babar com esse modelito da Modelaria (modelaria.com.br). Custa R$ 197

Love
Um brinco poderoso faz toda a diferença na produção. O vixe amou a aposta da Ziziglow (ziziglow.com.br) em formato de coração que é puro amor. Dica de stylist: usa com um look todo branco. Preço: R$ 89,9

Achadinho
Boys descolados já podem pensar em um visu lacrativo com a camiseta lacrativa by Bolovo (bolovo.com.br) que custa R$ 149 e tem a cara do Verão. Boa ideia é apostar em uma produção retrô e garantir os elogios.

Para brilhar
Se tem uma peça que é puro maximalismo e atende as fashionistas que não tem medo de ousar é essa camisa de paetês da Renner (lojasrenner.com.br). Versátil, dá para ser usada de uma forma mais casual, quando combinada com uma peça jeans, ou com todo glamour, basta investir em mais uma dose de brilho para compor o look do dia. Preço: R$ 79,9.

Calce essa ideia
O modelo Melrose Sport, garimpado no e-commerce da Fiever (fiever.com.br), tem solado robusto e cor laranja. Aquele calçado que imprime conforto e praticidade para os dias de Verão. Custa R$ 178. 

Nota 10: Uma amiga convenceu as outras que ao invés de trocar presentes, como faziam todo ano no Natal, doariam cada uma um valor para os mais vulneráveis. 
Nota 0: Um homem chegou no tabuleiro da baiana de acarajé sem máscara. Quando foi solicitado a colocar o adorno, ele não gostou e soltou um xingamento. De última!
 

Fonte: Correio