Esposa é suspeita de esfaquear marido no Itaigara; ambos estão com covid-19

Um homem de 60 anos foi esfaqueado dentro de sua residência na tarde desta sexta-feira (25) na Rua Monsenhor Eugênio Veiga, no Alto do Itaigara, em Salvador. A suspeita é de que a vítima tenha sido ferida pela esposa, de 57 anos. A mulher foi detida, mas já foi liberada.

Em nota, a Polícia Civil informou que tanto a vítima quanto a suspeita estão com coronavírus. Por esse motivo, a mulher foi liberada para isolamento e tratamento da doença. De acordo com a corporação, a esposa foi apresentada na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam/Brotas) por policiais militares. Entretanto, a Polícia Militar afirmou que a apresentação ocorreu na Central de Flagrantes.

Segundo informações de leitores do CORREIO, o caso aconteceu no Condomínio Mansão Manoel Andrade, que fica no endereço informado pelas polícias Civil e Militar.

Foi instaurado inquérito para investigar o crime de lesão corporal, as testemunhas foram ouvidas, houve a expedição das guias de exames de lesões e foi realizada perícia no local do fato, de acordo com a Polícia Civil. O caso é investigado pela 16ª Delegacia Territorial, na Pituba.

A Polícia Militar informou que os agentes da 35ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Iguatemi) foram acionados via Centro Integrado de Comunicação (Cicom) após receberem informações de uma briga de casal no interior de uma residência. A vítima teria sido socorrida para o Hospital Cardiopulmonar, segundo a PM, mas a unidade de saúde afirmou não ter recebido um paciente com este quadro nesta sexta.

Fonte: Correio