Cozinheiro morre eletrocutado em restaurante de pousada em Trancoso

O chef de cozinha Robson Santos da Silva, de 31 anos, morreu eletrocutado, na cozinha do restaurante em que trabalhava, em Trancoso. A tragédia ocorreu na noite de sexta-feira, 1, na Pousada El Gordo. De acordo com informações preliminares, a máquina de gelo do local apresentava problemas e teria causado a morte do homem. A polícia fará perícia para confirmar as informações.

De acordo com o site Radar 64, Robson, que era conhecido como Acerola, chegou a ser socorrido pelo Samu, mas morreu na UPA da cidade. No momento em que o cozinheiro foi atingido pela descarga elétrica, outros funcionários também forma atingidos. Uma mulher, colega do chef, chegou a ser socorrida pelo Samu. Não há informações sobre o seu estado de saúde. 

Em um vídeo que circula por aplicativos de mensagens, a ex-mulher de Robson, que se identifica como Joyce, faz críticas ao local de trabalho do ex-marido e reclama que nenhum responsável pela pousada e restaurante prestou apoio no momento do incidente. Os responsáveis pela Pousada El Gordo ainda não se pronunciaram sobre a morte do funcionário.
 

Fonte: Correio