PM mata traficante de ecstasy que usava motorista de aplicativo para entregar a droga em Camaçari

(Fotos: Divulgação SSP)

A Polícia Militar matou um traficante de ecstasy que tinha acabado de usar um motorista de aplicativo para enviar a droga para um comprador, no final da tarde de sábado (2), em Camaçari, Região Metropolitana de Salvador (RMS). Os nomes dos envolvidos não foram revelados. 

Guarnições das Rondas Especiais (Rondesp) Região Metropolitana de Salvador impediram que comprimidos de ecstasy fossem entregues, através da ajuda do próprio motorista do aplicativo.

O condutor do veículo avistou as viaturas da Rondesp RMS e explicou que havia recebido uma encomenda suspeita, para ser entregue no Centro da cidade. Os militares abriram o pacote e encontraram 20 comprimidos de ecstasy.
Sabendo o ponto de entrega, as equipes da PM foram até o local e capturaram o receptor. O comprador da droga sintética indicou onde o seu fornecedor morava e a diligência seguiu até a região apontada. 

O traficante foi avistado e disparou contra os PMs para tentar fugir da prisão em flagrante. Houve confronto e o indivíduo terminou atingido. Ele foi socorrido para o Hospital Geral de Camaçari, mas não resistiu. Com o criminoso foram apreendidos um revólver calibre 38 e munições.
 

Fonte: Correio