Rodrigo Constantino é recontratado pela 'Jovem Pan' após fala sobre estupro

Demitido em novembro de 2020, quando afirmou que não denunciaria um homem que estuprasse sua filha caso ela estivesse bêbada, Rodrigo Constantino foi recontratado pela “Jovem Pan” nessa segunda-feira (4). Ele cobrirá férias dos jornalistas conservadores Augusto Nunes e José Maria Trindade. Informações foram divulgadas nesta terça-feira (5) pelo colunista Flávio Ricco.

Quando fora demitido, Constantito chegou a dizer que a Jovem Pan havia sofrido pressão para dispensá-lo, e que havia perdido “uma batalha”. “Vocês venceram uma batalha, parabéns! A pressão foi tão grande sobre a Jovem Pan, distorcendo claramente minha fala, que não resistiram. Não os culpo. É do jogo. Quem me conhece e quem viu de fato sabe que eu jamais faria apologia ao estupro! Mas desde já estou fora da Jovem Pan”, escreveu no Twitter.

O comentarista também foi demitido dos veículos “Grupo Record”, Rádio Guaíba, e “Correio do Povo” naquela semana. Pouco depois, foi contratado pela “RedeTV!” e, após no qual tentava justificar os argumentos, foi mantido no quadro de colunistas da “Gazeta do Povo”. 

Fonte: Agencia Brasil