Morre jornalista Gabriela Rossi, ex-CORREIO: 'Serena e carinhosa'

(Foto: Reprodução)

Faleceu nesta sexta-feira (8) a jornalista Gabriela Rossi, ex-subeditora do caderno Bazar do jornal CORREIO. Ela estava em tratamento contra um câncer, tendo que ficar internada por alguns meses. O sepultamento será amanhã, no Cemitério do Campo Santo, em Salvador, às 10 horas. 

Formada em Comunicação Social na Universidade Federal da Bahia (Ufba), Gabriela — carinhosamente apelidada de Yashay — ocupava as funções de jornalista e assessora de imprensa, além de também trabalhar como mestra de Reiki e terapeuta holística. 

“Muito mais que uma jornalista competente, Gabriela Rossi era uma pessoa serena e muito carinhosa com todos. Te conquistava em segundos. Nos conhecemos na redação do CORREIO, onde ela foi editora do Caderno de TV e, por indicação de Isabela Laranjeira, veio para ser a minha subeditora no Bazar. E o seu jeito tranquilo e amoroso era o que a equipe precisava naquele momento de início do suplemento”, diz Jamil Moreira Castro, amigo da jornalista.

Em nota, a Fundação José Silveira, onde Gabriela trabalhava como assessora de comunicação, lamentou a morte. “Expressamos nossa solidariedade à família. Também nos consideramos como parte afetiva, sendo significativo o nosso luto em memória à colaborada que contribui de forma exemplar e com extrema dedicação, por mais de 15 anos, na Fundação José Silveira”. O CORREIO também lamenta a morte da jornalista e deseja força aos amigos e familiares. 

Fonte: Correio