Bahia empata com o Atlético-GO fora de casa pelo Brasileirão

A situação ainda não é das melhores, mas o Bahia voltou a pontuar no Campeonato Brasileiro. Na noite deste domingo (10), o tricolor saiu perdendo, mas arrancou o empate por 1×1 com o Atlético-GO, no estádio Antônio Acciolly, em Goiânia. Pereira marcou o gol do Dragão, enquanto Gabriel Novaes deixou tudo igual para o time baiano. 

O empate quebrou a sequência negativa de sete derrotas seguidas que o Esquadrão acumulava no Brasileirão. Apesar disso, o time continua na zona de rebaixamento, já que o Vasco venceu o Botafogo por 3×0 no clássico carioca. Agora, a equipe soma 29 pontos no torneio. O primeiro time fora do Z4 é o Fortaleza, que tem 32. 

O próximo compromisso do Bahia pela Série A será na quarta-feira (20), quando recebe o Athletico-PR, na Fonte Nova.

O jogo
O Bahia entrou em campo com a obrigação de vencer para ter chances de sair da zona de rebaixamento. Mas a missão do tricolor em Goiânia ficou mais difícil logo no início da partida. 

Com apenas seis minutos de bola rolando, Natanael cobrou escanteio, Pereira mandou de cabeça e bola desviou em Matheus Bahia antes de morrer no fundo das redes Douglas. 

As mudanças promividas pelo técnico Dado Cavalcanti – que iniciou o duelo com ataque formado por Thiago, Fessin e Gabriel Novaes -, não surtiram efeito e o tricolor teve muita dificuldade para criar as joagadas na primeira etapa. 

Quando as chances apareceram, Jean salvou o Dragão. Primeiro goleiro se esticou e defendeu o chute cruzado de Matheus Bahia. Na sequência, ele pegou a bomba de Fessin que tinha endereço certo. 

Reação
Para tentar alterar o panorama e dar mais movimentação ao ataque, o Bahia voltou para o segundo tempo com Rossi no lugar do garoto Thiago.

O empate ficou perto de sair aos sete minutos. Nino Paraíba fez a jogada e rolou para Rossi. O camisa 11 chutou na defesa e a bola sobrou para Fessin. Na marca do pênalti, ele finalizou travado e perdeu uma boa chance.

Do outro lado, o Atlético-GO respondeu bem. Primeiro Wellington Rato mandou de cabeça à queima-roupa e Douglas operou um milagre. Logo depois, o goleiro pegou o chute de Matheus Vargas, evitando o segundo gol do Dragão.

O Bahia seguia sem conseguir incomodar pressionar o Atlético-GO com intensidade, mas aos 30 minutos a situação melhorou para os visitantes. Nino Paraíba mandou cruzamento perfeito e Gabriel Novaes subiu mais que a defesa atleticana para marcar o primeiro gol dele pelo Bahia e deixar tudo igual no Antônio Accioly: 1×1.

Por muito pouco a virada não saiu logo depois. Na cobrança de falta ensaiada, Nino Paraíba soltou o pé e a bola passou perto da trave de Jean.   

Já aos 41 minutos foi a vez de Gabriel Novaes receber livre na esquerda, penetrar na defesa adversária, mas, na hora de concluir, ele chutou em cima de Jean e perdeu outra boa chance para virar o placar.

Sem sucesso lá na frente, o time de Dado Cavalcanti viu o tempo passar e se contentou mesmo com o ponto conquistado na luta contra o rebaixamento.

Fonte: Correio