Duda Salabert e PDT protocolam mandado de segurança contra aplicação do Enem

Vereadora de Belo Horizonte, Duda Salabert (PDT) protocolou nesta terça-feira (12) junto à legenda um mandado de segurança coletivo requisitando suspensão da aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A prova está prevista para os próximos dois finais de semana, nos dias 17 e 24. O documento pede, prioritariamente, a suspensão em Minas Gerais, mas amplia a requisição para todo o país.

A parlamentar argumentou que os “índices de ocupação do sistema de saúde de Belo Horizonte e outras cidades estão em alta desde o final de dezembro e a manutenção da data atual seria uma ameaça à saúde pública” no texto apresentado à Justiça.

“Ressalta-se também que, em enquete promovida pelo Ministério da Educação, os estudantes escolheram o mês de maio como a melhor data para realização do exame e a decisão não foi acatada pelo MEC”, diz nota encaminhada à imprensa.

No madado, Duda defende que “a data da aplicação do Enem está agendada justamente para um momento de crescimento da segunda onda de COVID-19 no Brasil” e cita Minas Gerais como exemplo do avanço da pandemia.

“Não existe, segundo os melhores parâmetros científicos, forma segura de garantir a realização do exame nesse momento​”, pontua. 

Fonte: Agencia Brasil