Polícia cumpre mandados de busca contra Nego do Borel

Dois mandados de busca e apreensão contra o cantor Nego do Borel foram cumpridos nesta quinta-feira (28), em São Paulo e no Rio de Janeiro.  

Um dos mandados foi cumprido na casa de Nego, na Zona Oeste do Rio, onde o passaporte do cantor foi retido. Ele estava em outro endereço em São Paulo, que também foi alvo da ação.

(Foto: Reprodução/TV Globo)

As buscas estão relacionadas ao boletim de ocorrência que Duda Reis, ex do cantor, registrou na 1ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), em São Paulo. Duda afirma ter sido vítima de violência e de ameaças feitas pelo ex-noivo — ele nega.

Acusações
Em entrevista ao Fantástico, da TV Globo, no dia 18 deste mês, Duda afirmou que foi agredida pelo então namorado.

“As agressões eram constantes, principalmente as verbais. ‘Vai tomar no c*, vai se f*, vagabunda’. Ele quebrava as coisas da casa, quebrou uma porta no meio com cabeçada. Ele dizia que quebrava as coisas para não me quebrar. Ele me chutava e fiquei roxa na canela”, afirmou a influenciadora.

Duda também conta que começou a tomar remédios prescritos após ter sido diagnosticada com diversos transtornos, como depressão, síndrome do pânico, bulimia e anorexia. “Eu estava dopada e ele vinha ter relação comigo, eu não tinha consciência. Quando tive consciência, fiquei muito mal”, relata. 

Ela também afirma que não denunciou a conduta abusiva de Nego do Boral anteriormente por conta do medo que sentia, já que era constantemente ameaçada pelo cantor.

“Por que não denunciava? Era dependente da pessoa, sofria ameaça de morte. Ele dizia que ia matar minha família se eu não colaborasse. Ele sempre reforçou que eu era dele e de mais ninguém. Me arrependo muito de perder esses vínculos.”

Fonte: Correio