Grupo armado usa explosivos em ataque a banco na Bahia e foge com reféns

Um grupo armado atacou uma agência do Banco do Brasil usando explosivos, na noite desta segunda-feira (5), em Campo Alegre de Lourdes, norte da Bahia. Moradores foram feitos reféns na fuga.

De acordo com a Polícia Militar, a 25ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) foi acionada por volta das 23h30 com as informações de que bandidos armados chegaram em uma Hilux branca atirando. Eles usaram explosivos para tentar ter acesso ao dinheiro em caixas eletrônicos do banco. Não há confirmação do valor levado. Os cinco reféns levados pelos bandidos foram libertados pelo grupo durante a fuga. 

Ainda segundo a PM, os bandidos deixaram para trás dois artefatos explosivos, estojos calibre 5,56mm e calibre 12. Não houve troca de tiros entre os ladrões e a políciais. 

Equipes da 25ª seguem em buscas na região com apoio de outras unidades do Comando do Policiamento da Região Norte (CPRN) e da Companhia Independente de Policiamento Especializado/ Cipe Caatinga.

(Foto: Portal Professor Thiago)

Banco fica fechado
Por conta do crime, o Posto de Atendimento Avançado da cidade não funcionou nesta terça (6). Segundo o Banco do Brasil, não houve registro de funcionários ou colaboradores feridos no crime.

“O Banco vai enviar equipes de engenharia e manutenção para o município, quando será possível realizar a avaliação técnica sobre os danos causados à estrutura do prédio e limpeza do local”, diz a instituição, em nota.

A normalização do atendimento deve acontecer “no menor prazo possível”, mas ainda não é possível estipular uma data. A agência mais próxima para buscar alternativa é em São Raimundo Nonato, no Piauí, além das unidades BB de Pilão Arcado e Remanso, no norte da Bahia.

O banco lembra  que não informa valores roubados nesse tipo de ataque e diz que colabora com a investigação.

(Foto: Portal Professor Thiago)

Fonte: Correio