Rodrigo admite queda de ritmo, elogia Roberto e valoriza resultado

Rodrigo Chagas sabe que o Vitória não fez nem de longe um jogo perfeito diante do xará de Conquista, mas após o jogo da noite desta quarta-feira (28) o treinador optou por dar mais destaque ao triunfo por 2×0 do que aos erros cometidos pelo time no Barradão. 

“A gente teve o comprometimento de entrar com uma dinâmica muito alta, muito grande. Não só no início do jogo, mas também durante toda a partida. Fizemos os dois gols. Possa ser que, em determinado momento, a gente tenha desacelerado realmente, diminuído o ritmo. Até porque o adversário também, em alguns momentos, começou a querer sair, e a gente já não estava conseguindo ser efetivo como foi nos primeiros minutos. Mas o mais importante disso é conscientizar que tivemos uma vitória importante dentro de casa, colocou nossa equipe na busca pela classificação”. 

Com o resultado, o Vitória saiu da vice-lanterna e assumiu a 5ª posição na tabela de classificação, agora com 10 pontos, dois a menos que o Bahia, que abre o G4. O Leão segue dependendo apenas das próprias forças para terminar entre os quatro primeiros e, consequentemente, se classificar às semifinais do Baiano.

“Essa vitória foi muito importante, até pela pressão que estava existindo em relação à classificação. E a gente ainda não está classificado. Vamos continuar na busca em relação a esse nosso objetivo. Temos mais dois jogos muito difíceis. A ideia é se manter o nível de intensidade dentro dos jogos que vamos ter pela frente. Mas não posso deixar e enaltecer o volume que tivemos no jogo, as oportunidades de gols que, mais uma vez, criamos, fizemos dois com possibilidade de fazer mais. Agora é ajustar, corrigir aquilo que não foi feito da forma que queríamos que fizesse para que, no próximo jogo, sejamos melhores do que fomos neste”, disse o treinador.

O Vitória volta a entrar em campo no domingo (2), às 16h, quando enfrenta a Jacuipense, no Barradão. O jogo é válido pela 4ª rodada, mas precisou ser adiado porque o time do interior enfrentou surto de covid-19 no elenco. 

Durante a entrevista coletiva, Rodrigo Chagas também elogiou a atuação individual do lateral esquerdo Roberto. Reserva nesse começo de temporada, ele substituiu Pedrinho, que está machucado. 

“Foi a melhor partida do Roberto desde quando chegou. Roberto está começando a se encontrar fisicamente da forma que acreditamos que ele pode render para o nosso grupo. Foi efetivo. Foi muito bem nas questões ofensivas e defensivas”, pontou o treinador. 

Fonte: Correio