Pai de Henry homenageia o filho que completaria 5 anos: 'Vivo em meu coração'

O pai de Henry Borel, Leniel Borel, prestou uma homenagem ao filho em suas redes sociais nesta segunda-feira (3), dia que o menino completaria 5 anos. Henry morreu no último dia 8 de março por lesões causadas no fígado, e a polícia indiciou a mãe do garoto, Monique Medeiros, e o padrasto, o vereador Dr. Jairinho, por homicídio doloso (intencional) duplamente qualificado, por emprego de tortura e pela impossibilidade de defesa da vítima. Os dois estão presos. Agora, o relatório segue para o Ministério Público do Rio de Janeiro, que vai decidir se denuncia ou não os dois.

 

“Henry, hoje seria seu aniversário de 5 aninhos. Mais uma festa para comemorarmos juntos, sempre do jeitinho que você queria, com todos os personagens, brincadeiras, bolos e brigadeiros que você gostava. Emocionante era ver sua alegria ao abrir os presentes.Que orgulho de você, meu presente de Deus! Ah, como era lindo te ver crescendo. Nosso tempo juntos foi muito breve, mas sempre intenso, feliz e muito especial. Daria tudo o que tenho por mais um dia com você, por mais um abraço, mais um sorriso ou apenas ouvir-te dizer: – Papai, eu te amo. 03 de Maio ficará eternizado comigo, pois sei que estarás vivo em meu coração por todos os dias da minha vida!”, escreveu. 

 

 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Leniel Borel de Almeida Junior (@lenielborel)

Fonte: Agencia Brasil