Médico influencer brasileiro Victor Sorrentino é preso no Egito por assédio

O Ministério do Interior do Egito anunciou que localizou e prendeu o médico e influenciador brasileiro Victor Sorrentino, que assediou uma vendedora durante uma viagem à cidade de Luxor, no sul do país.

Um vídeo do médico assediando a vendedora em português, sem que ela entenda, tem circulado pelas redes sociais. As imagens foram feitas num bazar turístico, enquanto a mulher vendia papiros ao médico.

Ao comprar o produto, uma folha de madeira usada para escrita no Egito Antigo, Sorrentino se dirigiu à vendedora dizendo: “Elas gostam é do bem duro, bem duro! Comprido também fica legal, né?”.

Veja o vídeo:

A trabalhadora riu, mas quando as imagens começaram a circular, as autoridades receberam denúncias da população. Segundo o governo egípcio, o médico será apresentado ao Ministério Público. Antes de ser detido, ele pediu desculpas pelo episódio nas redes sociais.

Victor Sorrentino tem quase um milhão de seguidores e é defensor do “tratamento precoce” contra a Covid-19, com o uso de medicamentos sem eficácia contra a doença, como cloroquina e ivermectina. Ele também é apoiador do presidente Jair Bolsonaro.

Fonte: Agencia Brasil