Bahia solicita áudio e imagens do VAR contra o Internacional

A marcação de um pênalti contra o Bahia no duelo diante do Internacional, neste domingo (13), durante a derrota do time baiano para o colorado por 1×0, no estádio de Pituaçu, pelo Campeonato Brasileiro, ainda rende na Cidade Tricolor.

Nesta segunda-feira (14), a diretoria do Bahia entrou com pedido junto a CBF solicitando as imagens e áudio da comunicação entre o árbitro de vídeo (VAR) e o árbitro de campo, Wagner do Nascimento Magalhães.

O lance que causou a controvérsia aconteceu aos 28 minutos do primeiro tempo. O volante Edenilson caiu na área ao tentar driblar o goleiro Matheus Teixeira e Wagner Nascimento marcou pênalti. O VAR não recomendou a revisão do lance no monitor. Na imagem do replay fica claro que o goleiro tricolor não toca o jogador do Inter.

Na súmula da partida, o árbitro relatou que foi cobrado nos vestiários pelo vice-presidente do Bahia, Vitor Ferraz.

“Informo que ao término do primeiro tempo, estando a equipe de arbitragem se deslocando para o vestiário, o senhor Victor Ferraz Costa, identificado pelo delegado da partida como vice-presidente da equipe Esporte Clube Bahia, se dirigiu a equipe com um aparelho de celular apontando para o árbitro falando as seguintes palavras: “Por que não foi olhar o VAR?”. Informo que o dirigente citado continuou com a fala e acompanhando a equipe até a entrada do vestiário destinado a arbitragem”, diz o documento.

Após a partida, o técnico Dado Cavalcanti também questionou a marcação da penalidade.

“Particularmente não entendo como pênalti. A única coisa que faltou foi o Matheus Teixeira sair da frente. Ele faz o movimento para o lado, tira o corpo, tira as mãos, e o jogador tromba. Da próxima vez, ele vai ter que sair do meio para que o jogador passe, estender um tapete vermelho, talvez. Essa é minha opinião”, disse ele.

“Também estranhei o fato de o VAR não ter chamado o árbitro. Acho que foi muito duvidoso. Valeria uma revisão na cabine do VAR para decidir. Enfim, paciência”, continuou.

O Bahia acabou perdendo por 1×0 e amargou a primeira derrota no Brasileirão. Com quatro pontos em três jogos, o tricolor agora se prepara para o duelo contra o Ceará, na próxima quinta-feira (17), às 16h, no estádio Castelão, em Fortaleza.

Fonte: Correio